quarta-feira, 4 de maio de 2011

Festival Caça Bandas 2011

Festival Caça Bandas abre espaço para grupos desconhecidos do DF
(Publicado Originalmente no Correio Braziliense)


Publicação: 04/05/2011 08:04 Atualização:

Antes de atingir a fama, os músicos sempre precisam de uma ajuda inicial. Para dar esse apoio aos grupos brasilienses, ainda desconhecidos do grande público, começa nesta quarta-feira (4/5) a terceira edição do Caça Bandas. O festival tem como principal objetivo apresentar à capital federal grupos musicais de todos os estilos. As apresentações semanais acontecem sempre às quartas-feiras, no Cult 22 Rock Bar, e vão até dezembro.

A terceira edição do evento oferece 78 vagas para bandas, e as inscrições estão abertas até esta quinta-feira (5/5). O produtor do evento, Gustavo Vasconcellos, afirma que a terceira edição do Caça Bandas prioriza a música autoral, inédita, de Brasília. “O objetivo é conhecer e fazer circular o que há de novo no cenário musical brasiliense. Queremos oferecer uma oportunidade para as bandas.” A cada apresentação, três grupos tocam quatro músicas e uma é escolhida vencedora. No fim de cada mês, ocorre o confronto entre os ganhadores semanais, que disputam a gravação de uma faixa para o CD do festival.

O primeiro dia de apresentações conta com três bandas: Thortaz, Blood Chip e Mulambo Grooves. Os grupos são remanescentes da edição de 2010 — que foi encerrada prematuramente por conta de reformas emergenciais na antiga sede, o UK Brasil Pub. Devido aos imprevistos, a produção do evento inscreveu os músicos automaticamente na terceira edição do festival. “A expectativa é positiva, agora, esperamos atrair mais pessoas do que no ano passado”, afirma Vasconcellos.

Apesar de não ter se apresentado em 2010, a banda Thortaz está confiante para esta edição. O guitarrista Elizeu Fontenele garante que o grupo vem se preparando desde o ano passado. “A expectativa é boa, a gente está ensaiando há algum tempo, vai ser bom esse contato com outros músicos e com o público.” Thortaz está junta há cinco anos e define seu estilo como um “pop rock de pegada mais pesada”. Entre as principais referências estão Engenheiros do Hawai, Titãs e Metallica.

Programada para se apresentar em outubro de 2010, o Blood Chip está afiado para a apresentação de hoje à noite. É o que garante o produtor Ted Amorim. “Mesmo com os problemas, nosso ideal é tocar, mostrar serviço. A banda continua no pique para tocar.” O grupo, que está junto há pouco mais de um ano, tem influências no rock’n’roll clássico, sobretudo nas vertentes dos anos 1960 e 1970. “Ouvindo o nosso som é possível perceber que temos esse resgate do rock clássico. Misturamos rockabilly, psy e hardrock”, afirma Amorim.

A Mulambo Groove vem para quebrar a exclusividade do rock’n’roll no primeiro dia de apresentações. O grupo, junto há um ano e meio, tem um estilo peculiar, que mistura as batidas do samba e do baião com algumas pitadas de guitarra elétrica. As inspirações são buscadas em Lenine, Djavan, Seu Jorge e Red Hot Chili Peppers. “Brasília é um mix de várias tendências, por isso que a gente não quer se encaixar em um só estilo”, explica o integrante da banda Thiago Galego.

Além do rock
O Caça Bandas é eclético. O festival aceita e incentiva a participação de bandas de todos os estilos musicais. Gustavo Vasconcelos deixa claro que a intenção é dar visibilidade aos músicos da cidade, sem restrições. “O evento não é somente de rock, apesar da predominância roqueira no cenário brasiliense. Nosso interesse é achar música original, independente do gênero.” Thiago Galego quer aproveitar a diversidade do evento para mostrar um pouco mais da Mulambo Groove. “A expectativa é muito boa, pois agora temos uma abertura para divulgar nossa música, nosso estilo.”


O CD com os vencedores da edição do ano passado do Caça Bandas já foi lançado. O álbum com 10 faixas traz as melhores músicas, selecionadas pelos jurados e pelo produtor do evento, de 2010. A abertura fica por conta da banda Casacasta, que gravou a canção Bom de briga. Outros artistas participam, como Jazahu, Macunas e Turrón Presidencial. Em 2011, os veteranos se apresentam nas eliminatórias mensais do evento.

III Festival Caça Bandas

Nesta quarta (4/5), a partir da 21h, no Cult 22 Rock Bar (Lago Norte), R$ 5 até as 22h, R$ 10 após às 22h. Classificação indicativa 18 anos. Informações sobre inscrições — que vão até quinta (5) pelo telefone 3322-4263. Publicado Originalmente no Correio Braziliense. Fonte: Correio Braziliense 04/11/2011

Nenhum comentário:

Rock DF

No ar desde 2007! É rock, é música é cultura!

Edição

Espaço em edição

Edição

Espaço em edição