terça-feira, 5 de agosto de 2014

Outro Calaf estreia Festa Filhos de Tutan

A primeira edição conta com a participação do grupo Patubatê

Nesta quinta-feira (7 de agosto), o Outro Calaf estreia a Festa Filhos de Tutan, um evento inédito em Brasília que promete agregar a música brasileira de todos os gêneros, estilos e formas. Composta pela trinca de DJs Kiko Barreto, Karla Testa e Cezar Almeida mais participação especial do grupo Patubatê, a festa tem início às 22h30. Ingressos na bilheteria a R$ 12,00, até 23h30, e R$ 20, após as 23h30.

Com foco em todas as vertentes da música brasileira, o repertório da festa vai passear pelo pop, rock, frevo, maracatu, funk, carimbó, samba, axé, babydoll de nylon, aparelhagem, disco, pavões misteriosos, um novo balancê, novos e velhos hits do Brega Naite e até beijinhos no ombro carnavalesco. 

A cada edição, além dos DJs, uma atração especial é convidada para agitar a noite. Nesta quinta-feira, a participação será do grupo Patubatê que une música, cultura, meio-ambiente e arte.  Composto pelos músicos Fred Magalhães, Fernando Mazoni, DJ Leandrônik, Gustavo Lavoura, Pablo Maia e Felipe Fiúza, o grupo apresenta percussão em sucatas e música eletrônica, incluindo ritmos brasileiros e estrangeiros. 


FILHOS DE TUTAN
Liderada por Gabriel Bortolini, produtor cultural com experiência em Brasília, como na produção do longa-metragem “Faroeste Caboclo”, a festa conta com a trinca de DJs Kiko Barreto, Karla Testa e Cezar Almeida. Além disso, a VJ Olga Julia coordenará um mashup de imagens. 

Kiko Barretto é bacharel em Ciências da Computação e Mestre em Arte e Tecnologia. Toca música brega, com uma pegada do norte do Pará. A musicista, produtora e artista Karla Testa, a mais plural de todos, possui um set voltado ao movimento Tropicália, com pérolas de Caetano Veloso, Gal Costa, Gilberto Gil, Joge Ben, Mutantes, bandas influenciadas pelo movimento, além de marchinhas tradicionais de carnaval.

Já Cezar Almeida comanda a pista com performances autênticas e energizantes, que vai do rock pesado ao batidão funk carioca.


O NOME
Brasília certamente tem proporções faraônicas. Possui muitas semelhanças com a cidade de Akhetaton, hoje Tell el-Amarna, capital do Antigo Egito. A cidade planejada, assim como Brasília foi inspirada em um avião, tinha como projeto um pássaro com as asas abertas, voltado para o leste, o local do nascimento da LUZ e do SOL. O desenho da cidade também reproduz o símbolo máximo que representa a alma humana, um pássaro, como a Fênix mitológica que renasce das cinzas.

Juscelino Kubitschek é considerado por alguns místicos, esotéricos e ocultistas como “faraó do século XX”, que projetou seu sonho grandioso na construção de Brasília. Para esses místicos, ele seria a reencarnação do próprio Faraó Tutankamon. Assim como parte da crença, todos os nascidos e moradores de Brasília seriam assim filhos de Tutankamon. 


Outro Calaf
SBS Qd. 02, Bl. Q, Lj. 05/06, Ed. João Carlos Saad; (61) 3322-9581.

Festa Filhos de Tutan
Data: 7 de agosto
Horário: 22h30
Preço: R$ 12 até 23h30/ R$ 20 após as 23h30

Nenhum comentário:

Rock DF

No ar desde 2007! É rock, é música é cultura!

Edição

Espaço em edição

Edição

Espaço em edição